Pesquisar este blog

Carregando...

quinta-feira, 17 de novembro de 2016

CARRO PREMIUM DO ANO AUTOESPORTE 2017 - AUDI A4 2.0 TFSI

TEXTO: GUSTAVO DO CARMO | FOTOS: DIVULGAÇÃO


A Audi só foi ser campeã da segunda categoria mais antiga de Carro do Ano da Autoesporte na quarta eleição do então chamado Importado do Ano, em 1996, com a primeira geração do então sedã compacto A4. Dois anos depois, ganhou pela segunda vez com o luxuoso A6. Esperou cinco anos para voltar a vencer com o top A8 e, depois de um tricampeonato seguido da rival alemã Mercedes, engatou um tetra entre 2008 e 2011.

A4 - Carro Importado do Ano em 1996

A4 - Carro Premium do Ano 2009
A partir daí, a marca das quatro argolas já estava consagrada como a maior vencedora da hoje chamada Carro Premium do Ano, que premia os modelos que custam mais de 100 mil reais. E em 2017, a Audi arredonda a conta para 10 títulos com um tri do A4, promovido a sedã médio depois do lançamento do A3 Sedan.


O A4 não foi promovido só no posicionamento dentro da marca. Ganhou nova plataforma modular e um interior mais refinado, com direito a quadro de instrumentos totalmente digital em TFT (só a partir da segunda versão), sigla traduzida para Tecnologia de Película de Transistor, e tecnologia semi-autônoma. Chegou ao Brasil em maio, inicialmente em três versões com motor 2.0 TFSI: Attraction (R$ 160 mil), Launch Edition (já esgotada) e Ambiente (R$ 183 mil), com 190 cavalos. Este mês começou a ser vendida a versão top Ambition, que custa R$ 244 mil, com tração integral Quattro e 252 cv no mesmo motor, também premiado pela Autoesporte (mais detalhes lá embaixo).

Esta versão dispõe de série do Traffic Jam Assist, o primeiro passo para uma condução semi-autônoma, pois ela pode assumir a direção do veículo em velocidades de até 65 km/h quando o trânsito está congestionado. O sistema utiliza sensores de radares e de ultrassom combinados a uma câmera frontal para conduzir o carro, ajustando a direção e controlando a velocidade de acordo com o tráfego ao redor. Na Ambiente é opcional, assim como ar condicionado automático com três zonas, câmera de ré, sensor de estacionamento dianteiro, teto solar elétrico, monitor de tráfego traseiro e lateral, Head Up Display, sensor de colisão iminente (Pre Sense) e o sistema de som premium Bang and Olufsen 3D com 19 alto-falantes.


Nas versões mais baratas, o A4 oferece de série seis airbags, assistente em partida em rampa, freio de estacionamento elétrico, piloto automático (desde a Attraction), faróis e lanternas totalmente em LED, GPS, sistema multimídia espelhável, Audi Drive Select, que oferece cinco modos de direção, rodas de 18 polegadas, acabamento esportivo e conjunto de iluminação interna (Ambiente).  


Recentemente, outra novidade da linha A4 foi a chegada da perua Avant, em apenas uma única versão com os mesmos 190 cavalos, comprimento (4,73m) e equipamentos da Ambiente. Só custa mais (R$ 188 mil), mas tem porta-malas 25 litros maior: 505 litros. 


O A4 somou 1.515 pontos, com aproveitamento de 76%. Em segundo lugar ficou o híbrido Toyota Prius, com 1.459 (73%). O pódio foi fechado pelo Jaguar XF (994 pontos e 50%). BMW Série 7 (958 pontos - 48%) e Volkswagen Passat (929 pontos - 46%) completam a lista de finalistas do Carro Premium do Ano da Autoesporte.  Destas marcas finalistas, além da supercampeã Audi, apenas a BMW já venceu (duas vezes com o Série 3).  

Galeria 

1993 - BMW 325i / 1994 - Honda Accord / 1995 - Citroën Xantia / 1996 - Audi A4 / 1997 - Honda Civic / 1998 - Audi A6 / 1999 - BMW Série 3 / 2000-01 - Mercedes Classe C / 2002 - Não houve / 2003 - Alfa Romeo 147 / 2004 - Audi A8 / 2005 - Mercedes SLK 2006 - Mercedes CLS / 2007 - Mercedes Classe E /2008 - Audi TT 2009 - Audi A4 / 2010 - Audi A5 / 2011 - Audi A8 / 2012 - Mercedes Classe C / 2013 - Ford Fusion / 2014 - Audi RS6 / 2015 - Audi S3 Sedan / 2016 - Volvo XC90 / 2017 - Audi A4 

MOTOR DO ANO A PARTIR DE 2.0 AUTOESPORTE 2017 - 2.0 TFSI 


Curiosamente o Motor do Ano a partir de 2.0 litros de capacidade cúbica é menos potente que o escolhido duas vezes seguidas em 2007 e 2008. Na verdade, trata-se do mesmo motor 2.0 TFSI, com turbo e injeção direta de gasolina, que tem várias versões de potência. 

Na época, o motor tinha 200 cavalos, mas esta geração evoluiu para 211 e agora tem 220 cv como o usado no Volkswagen Passat e no Golf GTI. No Jetta, Passat CC e Fusca ainda rende 211 cv. Na Audi ele também é usado no A3 Sedan (220 cv) e no crossover Q3 (180 cv).

Mas foi no A4, em uma nova versão, com potências de 190 e 252 cavalos que o motor 2.0 TFSI faturou o seu terceiro título de Motor do Ano da Autoesporte. No entanto, o tricampeonato veio na categoria premium, que agora parte exatamente de 2.0. Nos dois títulos citados acima venceu na divisão até 2.0, onde a cilindrada era incluída. A regra mudou este ano. 

Com 588 pontos e 84% de aproveitamento, o motor do A4 superou o 3.0 Turbo do Porsche 911, o segundo colocado, com 543 pontos (a versão antiga, 3.6, foi a primeira campeã da categoria, em 2007). Em terceiro e quarto ficaram dois 2.4 diesel: o do crossover Volvo XC60 (522) e o da picape Mitsubishi L200 Triton Sport (460). 

Como no Carro do Premium do Ano, a Audi também "manda" nessa categoria, tendo vencido oito vezes, incluído um penta entre 2008 e 2012. Só a Porsche, a Ford e a Chevrolet ousaram derrotá-la nesta categoria.

Galeria

2017 - Audi 2.0 TFSI (A4)

FICHA TÉCNICA 

Origem: Alemanha
Motor: Quatro cilindros, longitudinal, 16 válvulas, turbo, injeção direta de gasolina, 1.984 cm³
Potência: 190 e 252 cavalos
Torque: 32,6 kgfm a 1.450 rpm (Attraction e Ambiente) / 37.7 kgfm a 1.600 rpm
Câmbio: automatizado de dupla embreagem e sete marchas
Tração: Dianteira (Attraction e Ambiente) e Integral Quattro (Ambition)
Aceleração de 0 a 100 km/h: 
7,4 segundos (revista Carro - Ambiente) 
 5,8 segundos (fabricante - Ambition)
Retomada de 80 a 120 km/h: 5,6 segundos (Carro - Ambiente)
Velocidade máxima: 210 km/h (Attraction e Ambiente) e 250 km/h (Ambition) (fabricante)
Consumo: 
8,8 km/l na cidade e 16 km/l na estrada (Ambiente - Carro)
9 km/l na cidade e 13 km/l na estrada (Ambition - Fabricante)
Frenagem 80-0 km/h: 23,5 metros (Ambiente - Carro)
Nível de ruído a 80 km/h: 58,8 decibéis (Ambiente - Carro)
Comprimento/largura/altura/entre-eixos: 4,73/1,84/1,43/2,82 m
Porta-malas: 480 litros (sedã) e 505 litros (Avant)
Tanque de combustível: 54 litros
Preço: R$ 159.990 (Attraction) / R$ 172.990 (Launch Edition - limitada) / R$ 182.990 (Ambiente) / R$ 187.990 (Ambiente Avant) / R$ 244.000 (Ambition)

Nenhum comentário: